Últimas
As atitudes fundamentais do Advento
Atitude de espera O mundo precisa de Deus. A humanidade está
Orações para a Segunda Semana do Advento
Domingo - Algumas vezes, Senhor, eu considero minha vida como uma v
Solenidade da Imaculada Conceição de Nossa Senhora
Na Solenidade da Imaculada Conceição somos convidados a equaciona
O Espírito Santo: nosso guia no Advento
Durante o Advento não podemos esquecer da presença do Espírito S
Mais Lidas

Destaque

Próximos Eventos

Sem eventos

Oração e reflexão pessoal e comunitária


Cremos em Deus...

Cremos em Deus:
Ele não criou o mundo para que façamos nele e com ele o que temos feito:
Um mundo onde reina a injustiça e a morte, um mundo injusto,
em que demasiadas riquezas, explicam as dolorosas misérias do próximo.      

Cremos em Deus:
Ele nos chama a renunciar o nosso próprio egoísmo,
e colocar a nossa vida ao serviço dos demais.

Cremos em Jesus Cristo, seu único Filho:
Que se misturou de tal modo com as pessoas em seu tempo,
que deu sua vida por todos. Porém nossa timidez, medos e egoísmos,
dificultam sua ação e não o fazem evidente. A este Jesus enceramos em
nossos Templos e o vestimos com nossas tradições piedosas.

Cremos em Jesus Cristo:
Ele ressuscita em nossas vidas para nos liberar de todo o preconceito,
orgulho e ambição, de todo o medo e de todo o ódio.
Elimina nossa indiferença: Assim prepara a vinda de seu Reino.  

Cremos no Espírito Santo:
Ele nos inspira e ajuda para que vivamos como Jesus,
para que cesse a discriminação em nossa sociedade,
que a justiça expulse a injustiça, e a paz elimine a guerra,
que nossa fé nos impulsione nesta ação.
Amém.


Desde o mais profundo...


Desde o mais profundo dos abismos, gritamos a ti, Oh Deus.
Oh Deus, escuta nosso clamor.

Escuta os lamentos de quantos na história tem sido
perseguidos por causa de Teu nome.
Os lamentos das vitimas das guerras de nosso tempo,
os lamentos dos que sofrem de fome e sede,
os lamentos dos que se encontram sozinhos e marginalizados,
os lamentos das mulheres e crianças maltratadas brutalmente,
os lamentos dos homens e mulheres torturados,
os lamentos da culpa e da indiferença.

Também nós fazemos parte dos que choram,
porém também somos culpados.
Todos temos pecado contra Ti.

Façamos livres para que reconheçamos teu grande amor
e que o compartilhemos com os que clamam por Ti.  


Senhor, tu nos chamas... 


Senhor, tu nos chamas .VEM E SEGUE-ME..
Te diriges a cada um de nós, mas nós temos medo...
Envias-nos às praças e trancamos nossas portas.
Animas-nos a adentrarmos no mar, e amarramos o barco no porto.

Que sopre o vento de teu Espírito!
que acorde em nós a coragem de romper amarras,
e a alegria de alinhar a proa para alto mar.

Livra-nos do medo que paralisa.
Ajuda-nos a sair dos caminhos trilhados,
e lançar-nos à aventura sem assegurar nossas costas.
Reveste-nos de tua liberdade; que nosso “sim” seja “sim”
e nosso “não” seja “não”.

Sacode nossa indolência;
não nos deixes dormir na indiferença.
Abre nossos ouvidos aos gritos de nossos irmãos.
Dá-nos fome e sede de justiça.
Faz de nós os aventureiros do Amor;
coloca em nossos corações o fogo de tua audácia,
para que todos juntos nos levantemos,
e sejamos teu povo, um povo de homens e mulheres
livres que escolheram te seguir. 


: